Histórias de Pacientes VALDENICE MADUREIRA DE SOUZA E SILVA
nice.madureira19@gmail.com

Olá, meu nome é Valdenice e fui diagnosticada com mieloma múltiplo em 2008, com 43 anos de idade. Confesso que na época não foi fácil, pois a doença já estava muito avançada. Já havia afetado meus rins. E nesta ocasião estava tentado engravidar, mas já em uma fase final de tratamento e de tentativa por conta da idade. Mas diante deste diagnóstico, este sonho foi deixado de lado e fui lutar pela vida. Foram meses de alta doses de quimioterapia vermelha, ficava mais no hospital do que em casa. Com muitas intercorrências, UTI, fístula no braço para dialisar. Mas a esperança em Deus e nos médicos atenciosos e competentes fizeram toda diferença. Depois do osso duro que roí, ainda com a fístula no braço, graças ao meu Deus não precisei dialisar porque o funcionamento dos rins foi melhorando gradativamente. Com esta melhora, pude fazer o autotransplante que durou 8 anos sem tratamento. Hoje tenho insuficiência renal leve, e nestes oito anos de remissão vivi com qualidade de vida. Neste ano no exame Freelite começaram apresentar as proteínas monoclonais no soro e urina, então minha médica decidiu entrar com tratamento velcade, ciclofosfamida e dexametasona. Estou bem e estou apta para fazer o segundo autotransplante, que será agora em setembro. Creio que tudo dará certo! Acho até que, muitas vezes, a cura está dentro de nós, depende do nosso posicionando diante dela, ter cabeça boa! Mas sei também que conviver com esta doença não é fácil, por isso vivemos um dia de cada vez e crendo, primeiramente, que Deus está no controle e que com avanço das pesquisas logo teremos a cura! Nunca podemos perder a esperança!!

 

Participe. Conte você também a sua história. Clique aqui!