Histórias de Pacientes Ana Paula
comunicacao@myeloma.org.br

“Meu nome é Ana Paula, tenho 39 anos e fui diagnosticada com Mieloma Múltiplo aos 37 anos. Na época a médica que me deu o diagnóstico disse que eu tinha uma doença grave, que não tinha cura, e que provavelmente a partir daí meu tempo de vida estava reduzido. Meu mundo desabou... eu só pensava no meu filho Guilherme que na época tinha 8 anos e que tem também tem um problema de saúde, um tumor cerebral. Foi difícil demais imaginar o que poderia acontecer comigo e deixar o meu filho. Logo após o diagnóstico fui transferida de hospital e neste outro hospital a equipe médica me deu novas perspectivas. Além do mieloma múltiplo desenvolvi a leucemia plasmocitária, passei por dois transplantes de medula, um autólogo e outro alogênico e estou em remissão. Lutei muito, lutei por mim, lutei pelo meu filho. E lutarei sempre! Ser mãe foi a melhor presente que Deus me deu, e lutarei sempre para poder ver meu filho crescer, se tornar um grande homem! E eu peço a Deus que permita que eu viva por muitos e muitos anos... Ser mãe foi um dos motivos que tive força para lutar contra o mieloma múltiplo”.

 

Ana Paula, mãe do Guilherme

Paciente diagnosticada com mieloma múltiplo em setembro de 2015.

 

Participe. Conte você também a sua história. Clique aqui!